fbpx

– Como adicionar uma variável do tipo Proxy no Infer32?

A variável “Proxy” conforme item 3.77 da NBR 14653-2 é “utilizada para substituir outra variável de difícil mensuração e que se presume guardar, com ela, uma relação de pertinência”.

Por exemplo: você pode utilizar valores do “CUB” para classificar “Padrão de Acabamento” do elementos da amostra e do imóvel avaliando, ainda também, índices de valores de Planta de Imposto Predial para classificar localização, e na prática há outros exemplos.

Nesse sentido, o dado que o avaliador possuir será determinante para escolher se o Infer32 irá tratá-lo como Numérico (CUB, Índices das Prefeitura) ou Qualitativo, como exemplo.

Em outras palavras a variável “proxy” será sempre uma ou outra alternativa entre numérica ou qualitativa em qualquer programa de Inferência e cabe ao usuário escolher e configura-la, em posse das informações dos imóveis sendo avaliados.